Professora jaruense será um dos condutores da tocha olímpica nas Olimpíadas do Rio 2016

0

Daniela-tochaA professora jaruense Daniela de Lima Campos, 31 anos, foi selecionada para conduzir a tocha olímpica nas Olimpíadas do Rio 2016, onde representará não só Jaru, mas todo o Estado de Rondônia. Ela foi uma das escolhidas através do site da empresa Nissan na promoção: “#QuemSeAtreve”.

Na promoção o participante tinha que mandar um projeto e responder a um questionário relatando por qual motivo merecia carregar a tocha. O projeto que foi aprovado foi um que executou na escola municipal Aldemir Lima Cantanhede no ano de 2011, o qual a diretora da época era Rosania Barbosa. O projeto ela mandou em 2015 e em janeiro de 2016, enquanto estava viajando para Santa Catarina, recebeu a ligação da empresa Nissan falando que havia sido pré-selecionada, e só neste mês de abril que eles mandaram a confirmação dessa escolha. O projeto enviado foi o “Noite do pijama”, sendo pioneiro ao ser realizado em uma escola da rede pública em Rondônia, que até então só faziam em escolas particulares e em outros estados.

Daniela Lima é graduada em Educação Física e recentemente teve um artigo aprovado pelo Congresso Mundial de Educação Física que aconteceu no Estado do Paraná. O artigo foi publicado em 4 línguas: inglês, espanhol, português e francês e enviado para 129 países. Atualmente ela é contratada pela Secretaria Municipal de Educação de Jaru (Semed) e está lotada na escola Marechal Cordeiro de Farias, localizada na Linha 619.

A data da participação de Daniela Lima provavelmente será no dia 22 de junho em Porto Velho, pois Rondônia foi o estado que ela escolheu, mas ela informou que recebe e-mails quase todos os dias e os organizadores disseram para estar atenta quanto ao local e horário que eles vão lhe enviar nos próximos dias. O percurso que ela conduzirá a tocha será de 200 metros, cerca de 2 a 3 minutos, podendo ser concluído andando ou correndo.

A tocha foi acesa na Grécia e será trazida para o Brasil, e depois passará por todos os estados do nosso País, devendo ser conduzida por ex-atletas, autoridades e por pessoas escolhidas, com transmissão pelas emissoras de televisão do Brasil. Os condutores da tocha também vão receber um uniforme das Olimpíadas do Rio 2016.

A tocha olímpica está sendo comercializada por cerca de R$ 1.900, mas todos os participantes selecionados pela Nissan irão ganhar uma tocha sem custos como recordação do momento histórico.

“Estou feliz em saber que o meu projeto foi escolhido e que vou representar o meu Estado de Rondônia na condução da tocha olímpica. Saber que serei um dos condutores da tocha olímpica me deixa muito feliz e ao mesmo tempo sei que a responsabilidade só aumenta. Vou representar minha cidade, meu estado e a classe dos professores, em especial a categoria de Educação Física. Obrigada, Nissan, pelo presente!”, declarou ela emocionada.

Fonte: anoticiamais

comente

COMPARTILHAR