Piloto morre carbonizado em queda de ultraleve, em Ji-Paraná

0

O piloto amador Gilberto de Souza Oliveira, de 44 anos, morreu na manhã desta terça-feira (21), quando perdeu a altitude enquanto pilotava uma aeronave ultraleve, e caiu a pouco mais de 500 metros da pista do aeroclube, localizado na RO-135, próximo ao “Bar Amigão”, estrada que liga a cidade de Ji-Paraná com o Distrito de Nova Londrina. A aeronave pegou fogo após a queda e o piloto morreu carbonizado.

 

Testemunhas disseram que Gilberto havia acabado de decolar e ainda estava com baixa altitude, quando uma peça da aeronave se desprendeu.

 

Gilberto de Souza era piloto amador há mais de 20 anos e trabalhava como Operador de Máquinas em um depósito de areia local. No ano passado, Gilberto sofreu uma queda com outra aeronave no mesmo sítio.

FONTE: comando190

queda 4718ce3ec3 2c9305aaef 8927340e71 c3687e5408 2106aeronaveultraleve00

comente

COMPARTILHAR