Ouro Preto: dejetos de fossa de presídio escorrem pela rua causando fedentina e transtorno aos moradores

0
Foto: GazetaCentral

A fedentina causada pelos dejetos da fossa que diariamente escorre pelas Ruas Padre Adolfo Rohl e João Paulo I, no Bairro União, oriundos de um centro de tratamento de esgoto instalado no pátio da Delegacia de Polícia Civil de Ouro Preto do Oeste vem causando grande transtorno aos moradores que residem naquele entorno, bem como, aos pedestres e condutores de veículos, principalmente de motocicletas que precisam transitar por aquele local.

O equipamento foi instalado para realizar o tratamento do esgoto da Casa de Detenção, porém os moradores locais reclamam que há dias o mesmo não funciona e explicam que essa não é a primeira vez que isso ocorre. Os moradores relatam que a situação está complicada devido ao mau cheiro e que são obrigados a passar sobre os restos fezes que escorrem pelas ruas.

Em contato com o Diretor da Casa de Detenção de Ouro Preto do Oeste, Elizeu Inácio Nunes, nos foi informado que o sistema de automatização do equipamento está danificado e que já entrou em contato com a empresa responsável pela manutenção. Elizeu também disse que o maquinário funciona manualmente e que até a chegada do técnico irá disponibilizar uma pessoa para ligá-lo evitando com isso que os dejetos escorram pelas ruas.

Fonte: GazetaCentral

Foto: GazetaCentral
Foto: GazetaCentral
Foto: GazetaCentral
Foto: GazetaCentral
Foto: GazetaCentral
Foto: GazetaCentral

comente

COMPARTILHAR