Mister RO 2015 é preso suspeito de degolar e matar gerente de banco

0
Modelo foi preso após carro da vítima dar problema, diz polícia (Foto: João Victor Doenha/ Facebook)

O Mister Rondônia Universo Teen 2015, João Victor Doenha, 18 anos, foi preso nesta segunda-feira (28) suspeito de ter degolado e matado o gerente de uma cooperativa de crédito na cidade de Ouro Preto do Oeste (RO), região central do estado. O crime ocorreu no domingo (27). Um segundo suspeito também foi preso com o modelo. Os dois estavam dirigindo o carro da vítima em Nova Mamoré (RO).

Conforme a Polícia Civil, a vítima foi brutalmente assassinada pelos suspeitos durante a noite, em um local conhecido como morro Chico Mendes. Além de ter o pescoço cortado com um objeto, o gerente bancário Gleyson Batista, de 33 anos, ficou com várias lesões no rosto.

João Victor foi eleito mister Rondônia 2015 em um concurso (Foto: João Victor Doenha/ Facebook)
João Victor foi eleito mister Rondônia 2015 em
um concurso (Foto: João Victor Doenha/ Facebook)

Após o crime, o modelo e o comparsa fugiram com o carro da vítima. Ao chegar em Nova Mamoré, o veículo da vítima teve problemas mecânicos. Na ocasião, João e o segundo suspeito precisaram fazer uma parada na avenida, momento que acabaram presos pela Polícia Militar (PM).

Segundo informações da Polícia Civil, após ser preso o modelo de 18 anos assumiu a autoria do homicídio do gerente bancário Gleyson. Em depoimento, João Victor disse que ele e o outro rapaz venderiam o veículo da vítima por R$ 50 mil.

Na ocasião, o mister comentou que a vítima resistiu na hora de entregar o automóvel e, por isso, ele e os demais suspeitos decidiram assassinar o gerente. Segundo João, um menor de idade, que foi apreendido e encaminhado para Ji-Paraná, também participou do latrocínio.

Modelo foi preso após carro da vítima dar problema, diz polícia (Foto: João Victor Doenha/ Facebook)
Modelo foi preso após carro da vítima dar problema, diz polícia (Foto: João Victor Doenha/ Facebook)

Repercussão nas redes sociais
Assim que João Victor foi confirmado com um dos suspeitos de assassinar o gerente bancário, diversas pessoas foram até a página do Facebook do suspeito e fizeram comentários de repúdio contra o modelo.

“Aqui se faz, aqui se paga. Além de ir pra cadeia e sofrer lá, só o arrependimento dele e a consciência pesada pro resto da vida, a desaprovação das pessoas que ele mais ama vai ser o pior castigo da vida dele… o sofrimento é pior que a morte. (sic)”, escreveu um internauta.

 

Internautas repudiam atitude de modelo em post na internet (Foto: Facebook/Reprodução)
Internautas repudiam atitude de modelo em post na internet (Foto: Facebook/Reprodução)

Outros usuários tentavam entender o que motivou João a cometer o crime. “Meu coração ficou pequenininho quando soube… não conhecemos ninguém verdadeiramente, que se arrependa dessa crueldade, nunca é tarde pra recomeçar”, comentou.

João ao lado do Dr. Rey, durante evento em RO (Foto: João Victor Doenha/ Facebook)
João ao lado do Dr. Rey, durante evento em RO (Foto: João Victor Doenha/ Facebook)

Mister Teen

João Victor Doenha foi eleito Mister Teen Rondônia 2015 após um concurso de moda, realizado por uma agência de Rondônia. Na ocasião ele disputou o concurso com vários rapazes de Rondônia, mas conquistou a maioria dos votos dos jurados.

No ano em que foi Mister RO, o modelo participou de diversos eventos e campanhas no estado, entre eles uma premiação de empresários que se destacam no comércio local. Na ocasião, João participou e tirou uma foto com o apresentador Dr. Rey, conhecido como Doutor Hollywood.

Morador de Ouro Preto do Oeste, João tem 18 anos e completa 19 no próximo dia 3 de dezembro. Após ser preso em Nova Mamoré, o modelo está sendo levado para Ji-Paraná, onde o caso continuará sendo investigado pela Polícia Civil.

Crime
Gleyson Batista foi encontrado por um grupo de estudantes que fazia trilha no último domingo (27), no morro Chico Mendes, em Ouro Preto do Oeste (RO), região central do estado. De acordo com o boletim de ocorrência, os alunos teriam visto sinais de sangue sobre algumas pedras próximo a um lugar conhecido como “Terceira Rampa”. Os alunos seguiram as pedras sujas e chegaram próximos a uma queda, onde conseguiram ver o corpo da vítima.

Então, chamaram a polícia que foi ao local e constatou o homicídio. A perícia informou à polícia que o corpo apresentava várias perfurações, possivelmente de faca, no pescoço e escoriações pelo restante do corpo. Do primeiro local com marcas de sangue até onde o corpo foi encontrado, mais de 30 metros. A perícia não encontrou no local nenhum sinal de luta corporal.

Segundo as investigações, o homem teria sido visto pela última vez, na conveniência de um posto da cidade. Ele estaria com amigos, quando três homens chegaram e conversaram com ele. Ele voltou para mesa, e depois de receber uma ligação, saiu do local em seu carro, dizendo que voltaria.

Os amigos da vítima contaram à polícia que tentaram várias vezes contato pelo telefone, mas não conseguiram falar com ele mais. Ainda segundo o boletim de ocorrência, o pai da vítima já teria ido ao quartel de polícia na noite de sábado para saber se tinha acontecido algum fato, pois não sabia do paradeiro de seu filho.

Fonte: G1/RO

 

comente