Jogos Escolares Especiais: Alunos-atletas com necessidades especiais de Ouro Preto passam por exames

0
Foto: João Luiz / Gazeta Central

Os alunos-atletas da Associação Pestalozzi do município de Ouro Preto do Oeste que irão participar dos Jogos Escolares Especiais, Etapa Estadual Paralímpica, realizaram nesta última semana, exames médicos exigidos para comprovar a aptidão física dos competidores.

A Etapa Estadual Paralímpica será realizada entre os dias 25 a 28 de agosto na cidade de Ji-Paraná onde o município de Ouro Preto do Oeste será representado por 15 alunos-atletas (12 masculinos e 3 femininos) que competirão nas modalidades de atletismo, futsal e bocha. Os competidores passaram por exames de eletrocardiograma, raio-x e laboratoriais, procedimentos que são obrigatórios em todas as etapas paraolímpica dos Jogos Escolares Especiais.

Para Boby Góes Gil, diretor do Hospital Municipal Drª Laura Maria Braga, local onde nesta última sexta-feira (19) foram realizados os exames de raio-x dos alunos-atletas, fez questão acompanhar pessoalmente tais procedimentos e frisou da importância da participação destes jovens nos jogos escolares especiais. Ressaltou que o esporte representa muito mais que saúde, citando como exemplo a sociabilização e a independência no dia a dia destes atletas especiais e de suas inúmeras potencialidades.

De acordo com a orientadora da Pestalozzi, Dulcileide Chaves Pedrosa, oito dos 15 representantes de Ouro Preto do Oeste nos Jogos Escolares Especiais, irão participar em mais de uma modalidade e que estes atletas especiais serão acompanhados pelas professoras Maria Madalena Oliveira, Maria José de Souza Martins, Sebastiana Vieira Ramos e Pedra Alves da Silva.

Fonte: gazeta central

Foto: João Luiz / Gazeta Central
Foto: João Luiz / Gazeta Central

 

comente

COMPARTILHAR